Os cinco de fevereiro

Todas as fotos desse post são do meu instagram @paulinhav.

Em Leme, aproveitando o feriado

Nas últimas vezes que fui pra Leme, calhou de nenhuma das minhas amigas estar na cidade, o que fez com que eu aproveitasse esses dias na companhia da minha família, meus livros & séries, e a piscina do fundo de casa.

No Carnaval não foi diferente e na parte do feriado que passei por lá, acabou que fiquei matando o tempo nadando – ainda que o tempo não tenha colaborado muito – e com o meu exemplar de “Precisamos falar sobre o Kevin”, um livraço de que ainda vou falar aqui no blog.

Metade despedida, metade comemoração de que ela tá vindo pra Bauru

Duas grandes amigas, a Bruna daqui da foto, e a Babi, a amiga-fotógrafa-gênia que vocês tão cansados de ver no blog, estão de mudança.

Em fevereiro a Bruna mudou de equipe (a foto é da “despedida” dela) e decidiu vir morar em Bauru, onde vive essa que vos fala. Enquanto eu acompanho a mudança dela pra cá, que ainda tá em processo, só consigo lembrar de minha própria vinda pra cidade lanche. Há sete anos cheguei aqui de mala, cuia e um potinho cheio de medos e expectativas. Olhar pra trás e ver tudo que aconteceu desde então é, sem falsa modéstia, de dar orgulho. E de me deixar ainda mais ansiosa pro que vem depois.

A Babi, por outro lado, tá fazendo uma mudança dentro de São Paulo mesmo, mas saindo da sua casa pra dividir um apartamento com os amigos. Tõ muito feliz por ela e por essa nova fase, que eu sei que vai ser incrível. Tanto que essa história de amigas sendo felizes com seus novos lares (e consequentemente me deixando feliz também) acabou me animando pra minha própria mudança. Não quero dar spoilers, mas aguardem as cenas dos próximos capítulos 😉

Mais coisas legais de fevereiro

A foto é meio aleatória, eu sei, mas 1) achei ela mui bonita e inspiradora; 2) amo esse vestido que comprei na viagem pra Paris (viagem essa, aliás, que hoje completa um ano!); 3) achei que ela servia como um pretexto bonito pra linkar com três textos de fevereiro que escrevi/apareci fora daqui do blog.

O primeiro foi lá para o blog do Johnny Tattoo Studio, quando escrevi sobre a história da J. Argo Clothing, marca de roupas masculinas daqui de Bauru que agora está vendendo na nova unidade deles. O segundo, também lá para o blog do Johnny, foi um aquecimento para o Oscar, com a indicação de cinco filmes que influenciaram e foram influenciados pela moda. O último, mas não menos importante, foi uma entrevista que dei lá para o Social Bauru contando quais as minhas expectativas e torcidas para o Oscar. Aliás, vocês assistiram a premiação? Gostaram dos resultados?

Minha segunda leitura da Jane Austen

Depois de “Precisamos Falar sobre o Kevin”, comecei “Razão e Sensibilidade”. Essa edição da Martin Claret é tão maravilhosa que me dá vontade de ler o livro só olhá-la, mas Jane Austen é uma autora tão poderosa que a leitura tá fazendo jus a beleza da capa. Ainda que eu tenha gostado mais de “Orgulho e Preconceito”, pelo menos até esse momento onde tô do livro, tô bastante feliz de estar lendo mais uma obra dela, riscando mais um item do meu desafio de leitura da Rory Gilmore e, de quebra, dando espaço para uma escritora mulher na minha estante.

POSTS DE FEVEREIRO

FILMES DE FEVEREIRO

  • Brooklyn | John Crowley {2015}
  • Carol | Todd Haynes {2015}
  • Amy | Asif Kapadia {2015}
  • Spotlight – Segredos Revelados | Tom McCarthy {2015}
  • Ponte dos Espiões | Steven Spielberg {2015}
  • Deadpool | Tim Miller {2016}
  • O Regresso | Alejandro G. Iñárritu {2015}
  • O Bom Dinossauro | Peter Sohn {2015}
  • A Garota Dinamarquesa | Tom Hooper {2015}

LIVROS DE FEVEREIRO

  • Precisamos Falar sobre o Kevin | Lionel Shriver

Bisous, bisous

Os cinco de fevereiro 2014

Toda as fotos desse post são do meu instagram @paulinhav.

Vista do parque

Eu já havia contado nas resoluções de ano novo daqui do blog que em 2014 queria colocar em prática um projeto que seguisse o ditado “não deixe para amanhã o que você pode fazer hoje”. Pois bem, o desejo não foi da boca pra fora, e logo nos primeiros meses do ano eu já venho tentando fazer com que algumas coisas que eu quero há um tempão consigam se concretizar. Contei lá na página do blog que comecei a fazer aulas de ballet, o que foi um passo número um, mas tem um montão de coisas mais que eu quero fazer (hoje, aliás, tive minha primeira aula de jazz!).

A foto aqui de cima, além de ser de uma paisagem que tem feito parte dos meus dias atualmente, é também um sopro de coragem pra eu seguir em frente com esse projeto. Primeiro porque essa foto super me inspira a sair do sedentarismo, não só com as aulas de dança, mas também pra correr e botar meu corpo ainda mais em movimento – e, principalmente, cuidar da minha saúde, que é na verdade o que eu mais busco pro meu corpo nesse ano. E segundo porque toda vez que passo por esse parque, sinto esse ar mais puro e olho pra esses tons de verde maravilhosos, me dá uma sensação de renovação, de que acordar cedo, batalhar por pequenas conquistas – e assim chegar mais perto dos meus maiores sonhos – é de fato a meta número um desse ano. E digo, sem titubear, que tá valendo super a pena.

Duas novas comprinhas

Fevereiro foi também mês de compras, e entre minhas novas aquisições estão esse chapéu fedora daqui de cima – aliás, vocês estão acompanhando o dicionário de chapéus daqui do blog? – e essa maleta gracinha de tudo, que eu tava paquerando faz meses. Posso dizer que em menos de um mês eu já usei os dois até cansar, e que pretendo continuar  a usá-los ainda muito mais em vários looks do dia! Me aguardem! haha

Brunch com mon amour <3

Todo domingo tem brunch no Alameda (um lugar que eu não sei explicar exatamente o que é haha) e eu já tinha escutado falar maravilhas das suas comidas e bebidas. No mês passado fui então com o Diego provar o que de tão especial assim tinha nesse brunch, e gentee, vocês não estão entendendo como era tudo maravilhoso! Saí de lá praticamente rolando hahahaha.

Além de waffles maravilhosos, com vários tipos de coberturas (eu tentei ser mais light e decidi só por mel), ainda tem vários tipos de bebidas, bolachas, frutas, pães, frios e festival de omelete e tapioca! É muita gordice junta. Saí de lá querendo voltar muitas vezes mais.

Toda a beleza das flores

Nos últimos dias flores têm me inspirado mais do que o normal. Chega até a ser engraçado/estranho porque parece que é o destino me dando algum tipo de aviso, já que em tudo quanto é canto que eu vou, uma flor, um ramalhete ou um vasinho aparece na minha frente. Não sei se isso é de fato algum sinal haha, mas independente de ser ou não, elas são tão coloridas, bonitas e cheirosas, que eu já agradeço só por ter um pouco da companhia delas por perto.

É carnaval \o/

Sexta-feira, antes do feriado do Carnaval, a redação já entrou no clima de festa – pelo menos nos acessórios. Chapeuzinhos, óculos, colares, tiaras, enfim, tinha um toque de brilho e colorido em tudo! E mesmo que eu tenha tido um carnaval bem calminho – lendo, comendo, vendo filmes e escrevendo – foi muito bom aproveitar um pouquinho da festa com esse pessoal.

Bisous, bisous