Os cinco de março

Todas as fotos desse post são do meu instagram @paulinhav.

Faz um tempinho descobri os desenhos maravilhoso da ilustradora Giovana Medeiros, que tem um traço lindo e super delicado. Pra quem ficou curioso, no site da Giovana e na sua lojinha online dá pra ver os vários tipos de trabalhos que ela realiza com essas ilustras, como cartões-postais, zines e marca-páginas todos decoradinhos. Acreditem quando eu digo que é de chorar de lindo!

Em março comprei dois cartões-postais dela, esse da Mary Poppins e do Edward Mãos de Tesoura daqui de cima. Eles são ainda mais incríveis pessoalmente e vieram em um pacotinho muito fofo, que mostra o cuidado que a Giovana tem em todo o processo, desde a criação das imagens até o envio da compra.

Os dois agora estão decorando a minha mesinha do computador e confesso que é muito gostoso ter essas imagens aqui perto quando estou escrevendo post pro blog. Me sinto ainda mais inspirada.

O Bangkok é um restaurante daqui de Bauru especializado em comida tailandesa, mas que tem no seu cardápio algumas opções de outras nacionalidades também. Eu amo ir lá pra comer Bloomin Onion, aquele prato de cebola que parece uma flor, sabem? O deles é maravilhoso!

No mês passado eles mudaram de endereço e reabriram com uma decoração e proposta bastante diferente. Além do clima todo soturno do lugar, com uma luz bastante baixa e vários pontos de luz com objetos em neon, mais a noitinha eles começam a ter música ao vivo e o ambiente vira algo no estilo de uma baladinha. Achei bem legal e no que depender de mim, Bangkok que me aguarde que vou sempre voltar!

Quem me acompanha nas redes sociais ou lê o blog sabe que em março eu mudei bastante meu visual e cortei esse tantão de cabelo aí de cima. Como eu contei aqui nesse post eu tô muito feliz com essa mudança, especialmente por ela ter acontecido nesse momento e por ter parido de uma decisão e vontade minhas – e não de mais ninguém.

Ainda tenho errado bastante na quantidade de shampoo que coloco na mão quando tô lavando o cabelo e de vez em quando esqueço completamente do novo corte e passo a mão na parte de trás da cabeça, esperando encontrar aquele cabelão. Mas toda hora que faço isso, acabo sorrindo e pensando no quanto foi maravilhoso mudar.

Em um dos domingo de março fiz um programa que sempre amo repetir: ir ao brunch do Alameda e me deliciar com as comidas maravilhosas que eles têm lá.

O Alameda é uma galeria daqui de Bauru que todos os domingos faz esse brunch recheado de pães, bolos, doces, omelete, tapioca, frios, frutas, sucos, danones, cafés e mais um monte de comidas muito, muito boas. Começa as oito e vai até o meio-dia, então é uma delícia pra ir com alguém e ficar longas horas comendo e batendo um papo.

Eu e o Di já fomos algumas vezes e em todas as situações, é sempre a mesma história: nunca sei por onde começo a comer de tanta comida boa e bonita que tem hehe.

Ainda não temos nada concreto em vista, mas eu e Diego estamos pensando seriamente em mudar de apartamento. Nesse meio tempo, qualquer coisa relacionada a decoração tem feito meu coração bater um pouquinho mais acelerado, já que fico pensando nas mil possibilidades que essa fictícia e futura casa pode me dar em termos de decorismos.

Se eu pisar em lojas de decoração como essa daqui de cima, aí então é que não param de brotar ideias na minha cabeça. Acho que até o final desse mês, compartilho inclusive algumas delas aqui no blog.

POSTS DE MARÇO

Pois é, março foi um mês bastante parado aqui no blog, mas em abril tô compensado! Caso vocês não tenham reparado, eu fiquei muito animada com o VEDA que anda rolando no Youtube e acabei trazendo a ideia pra cá, adaptada em textos. Portanto, estamos tendo posts TODOS OS DIAS em abril aqui no blog. Isso faz parte das minhas metas pra ter mais foco em 2016 – lembram que escrevi sobre isso lá no comecinho do ano? – e devo falar disso mais pra frente em outro post.

FILMES DE MARÇO

  • Thelma & Louise | Ridley Scott {1991}
  • Zootopia | Byron Howard e Rich Moore {2016}
  • Ex Machina | Alex Garland {2015}
  • Batman vs Superman: A Origem da Justiça | Zack Snyder {2016}

Bisous, bisous e até amanhã!

Os cinco de junho 2014

Todas as fotos desse post são do meu instagram @paulinhav

Blazer vintage

Blazer vintage

Descobri um universo chamado brechós e só posso dizer que tô maravilhada!

Eu sempre curti o conceito que existe por trás desses lugares, mas de uns tempos pra cá descobri que existem por aí mais brechós bons e incríveis do que eu supunha. Se a gente procurar bem, dá sim pra encontrar brechós que realmente fazem um trabalho bacana de higienização das peças, além de tratarem cada artigo de um jeito único, reformando e/ou customizando esses itens. Pra quem curte peças vintage então, tá aí um prato cheia de inspirações! Dá pra garimpar roupas que seriam improváveis de encontrar em uma loja perto e/ou por um preço acessível.

Essa foto aqui de cima é de um blazer que comprei em um brechó assim, bom, bonito e barato haha e que além de estar num estado de conservação de dar inveja, era bem do jeitinho que eu queria. Foi amor à primeira vista. E já adianto que além dele, achei um vestido, tipo O vestido, nesse mesmo brechó. Tava tão decidida que trouxe ele pra casa mesmo ele tendo ficado enorme em mim. Não faz mal, porque eu já tenho em mente todas as partes que vou mandar tirar/reformar pra deixar ele do jeito que eu quero. Assim que o costureiro terminar, mostro ele aqui pra vocês verem como ficou :)

Brunch time!

Brunch time!

Já contei aqui que amo brunchs (na real eu amo comidas gordas haha) e esse que tem no Alameda, uma espécie de galeria daqui de Bauru, é de pirar de maravilhoso! O único problema que encontro quando vou nesses lugares é que sempre sofro porque quero comer tudo haha. Sou meio sem limites quando o assunto é comida :/

Dia de jogo do Brasil é assim na redação

Dia de jogo do Brasil é assim na redação

Sei que o jogo do Brasil ontem foi triste, muito, muito triste, mas não quero falar disso. Quero lembrar que a Copa ainda não acabou e que, aos trancos e barrancos, a gente tem se divertido horrores com ela. Ok que não vai ser dessa vez que a gente vai conquistar o hexa, mas só pela zuera que essa Copa tá sendo e pelos jogos insanos que tão rolando – eu (e a redação toda) fiquei em pânico na disputa de pênaltis da Costa Rica com a Holanda – já valeu a pena.

A foto aqui foi tirada no dia da abertura da Copa e também da estreia do Brasil e, fora a piada interna que só os fortes entenderão, já escancara a animação que uma parte da redação tava.

Olha, preciso confessar que vou sentir falta desse clima.

Pai e mãe, ouro de mina…

Esse ano, – mais até do que nos quatro últimos anos, desde quando me mudei pra Bauru – não tá fácil calhar de ter feriados em que eu pudesse ir visitar meus pais e aproveitar um tempinho maior em Leme. Por isso mesmo, como já fazia esse tempão que eu não ia pra lá, foi a vez deles me visitarem na cidade lanche. A visita na real foi bem rápida, mas, pelo menos, deu pra almoçarmos juntos e pra eu matar um pouco da saudade <3

Audrey <3

“I believe in pink. I believe that laughing is the best calorie burner. I believe in kissing, kissing a lot. I believe in being strong when everything seems to be going wrong. I believe that happy girls are the prettiest girls. I believe that tomorrow is another day and I believe in miracles.”  – Audrey Hepburn

 

Quem sabe um dia – Lauren Graham

Os 13 porquês – Jay Asher

Uma Noite Alucinante 2 – Sam Raimi (1987)

Somos Tão Jovens – Antônio Carlos da Fontoura (2013)

O Ano em Que Meus Pais Saíram de Férias – Cao Hamburger (2006)

Confissões de Adolescente – Cris D’amato e Daniel Filho (2014)

10 coisas que eu odeio em você {revisto} – Gil Junger (1999)

Oculus – Mike Flanagan (2014)

13 Sins – Daniel Stamm (2014)

Orange is the new black {2ª temporada}

RuPaul’s Drag Race {4ª temporada}

 RuPaul’s Drag Race {5ª temporada}

Os cinco de fevereiro 2014

Toda as fotos desse post são do meu instagram @paulinhav.

Vista do parque

Eu já havia contado nas resoluções de ano novo daqui do blog que em 2014 queria colocar em prática um projeto que seguisse o ditado “não deixe para amanhã o que você pode fazer hoje”. Pois bem, o desejo não foi da boca pra fora, e logo nos primeiros meses do ano eu já venho tentando fazer com que algumas coisas que eu quero há um tempão consigam se concretizar. Contei lá na página do blog que comecei a fazer aulas de ballet, o que foi um passo número um, mas tem um montão de coisas mais que eu quero fazer (hoje, aliás, tive minha primeira aula de jazz!).

A foto aqui de cima, além de ser de uma paisagem que tem feito parte dos meus dias atualmente, é também um sopro de coragem pra eu seguir em frente com esse projeto. Primeiro porque essa foto super me inspira a sair do sedentarismo, não só com as aulas de dança, mas também pra correr e botar meu corpo ainda mais em movimento – e, principalmente, cuidar da minha saúde, que é na verdade o que eu mais busco pro meu corpo nesse ano. E segundo porque toda vez que passo por esse parque, sinto esse ar mais puro e olho pra esses tons de verde maravilhosos, me dá uma sensação de renovação, de que acordar cedo, batalhar por pequenas conquistas – e assim chegar mais perto dos meus maiores sonhos – é de fato a meta número um desse ano. E digo, sem titubear, que tá valendo super a pena.

Duas novas comprinhas

Fevereiro foi também mês de compras, e entre minhas novas aquisições estão esse chapéu fedora daqui de cima – aliás, vocês estão acompanhando o dicionário de chapéus daqui do blog? – e essa maleta gracinha de tudo, que eu tava paquerando faz meses. Posso dizer que em menos de um mês eu já usei os dois até cansar, e que pretendo continuar  a usá-los ainda muito mais em vários looks do dia! Me aguardem! haha

Brunch com mon amour <3

Todo domingo tem brunch no Alameda (um lugar que eu não sei explicar exatamente o que é haha) e eu já tinha escutado falar maravilhas das suas comidas e bebidas. No mês passado fui então com o Diego provar o que de tão especial assim tinha nesse brunch, e gentee, vocês não estão entendendo como era tudo maravilhoso! Saí de lá praticamente rolando hahahaha.

Além de waffles maravilhosos, com vários tipos de coberturas (eu tentei ser mais light e decidi só por mel), ainda tem vários tipos de bebidas, bolachas, frutas, pães, frios e festival de omelete e tapioca! É muita gordice junta. Saí de lá querendo voltar muitas vezes mais.

Toda a beleza das flores

Nos últimos dias flores têm me inspirado mais do que o normal. Chega até a ser engraçado/estranho porque parece que é o destino me dando algum tipo de aviso, já que em tudo quanto é canto que eu vou, uma flor, um ramalhete ou um vasinho aparece na minha frente. Não sei se isso é de fato algum sinal haha, mas independente de ser ou não, elas são tão coloridas, bonitas e cheirosas, que eu já agradeço só por ter um pouco da companhia delas por perto.

É carnaval \o/

Sexta-feira, antes do feriado do Carnaval, a redação já entrou no clima de festa – pelo menos nos acessórios. Chapeuzinhos, óculos, colares, tiaras, enfim, tinha um toque de brilho e colorido em tudo! E mesmo que eu tenha tido um carnaval bem calminho – lendo, comendo, vendo filmes e escrevendo – foi muito bom aproveitar um pouquinho da festa com esse pessoal.

Bisous, bisous