Desenvolvido pela empresa Luminosidade, – responsável pelo SPFW e Fashion Rio, pelo site FFW e pela revista FFWMAG – o FFW Fashion Tour é um projeto que se propõe a celebrar a inovação, a criatividade e a paixão por estilo.  O projeto já existe há quatro anos, mas agora em 2015 existem três razões pra ele ser ainda mais especial do que de costume.

A primeira delas é que esse ano o SPFW comemora 20 anos de existência, e o FFW Fashion Tour aproveitou a data pra celebrar e relembrar esses vinte anos de história, que não apenas ajudaram a profissionalizar a moda nacional, mas que também ajudaram a consolidar grandes talentos e levar a moda brasileira para o mundo todo.

A segunda é que diferente dos outros anos, dessa vez o projeto está viajando pelo Brasil e pelo menos por enquanto três cidades já foram escolhidas para recebê-lo. Blumenau, por onde ele já passou, Belo Horizonte, por onde ele vai estar do dia 24 de setembro ao dia 04 de outubro, e Bauru, onde eu moro, e onde ele está nesse exato momento.

E a terceira razão, que é um pouco mais pessoal do que as outras, é que meu antigo chefinho da Lumi (eu trabalhei um tempinho por lá quando fiz a produção do SPFW e Fashion Rio de inverno/2011), me chamou pra trabalhar na montagem de uma das exposições do evento, a “20 anos de moda brasileira”. Além de ter ficado mega feliz com o convite, já que é um prazer e uma honra voltar a trabalhar com o Lu, uma pessoa que eu super admiro, foi uma delícia poder estar envolvida de novo com um evento tão incrível.  E como eu sou uma pessoa muito ligada em “coisas e datas simbólicas”, foi ainda mais interessante perceber que eu trabalhei por lá quando o SPFW comemorava 15 anos de existência e que agora, cinco anos depois, cá estou eu de volta.

Paulo Borges, Reinaldo Lourenço e Arlindo Grund no palco do FFW Fashion Tour. Em Blumenau, o talk show teve participações de Lino Villaventura e Isabela Capeto e em Belo Horizonte será a vez de Glória Coelho e Carol Ribeiro conversarem com o público.

Na quinta-feira, dia 10, foi a abertura das exposições e foi também o dia em que rolou um talk show muito interessante mediado por Paulo Borges e com participações de Reinaldo Lourenço e Arlindo Grund. A conversa passeou entre muitos temas, mas alguns dos mais falados – e as opiniões que foram dadas a respeito de cada um – eu decidi compartilhar aqui embaixo.

Sobre fast-fashions

A parceria de estilistas de peso com lojas de fast-fashion foi defendida, especialmente por Reinaldo Lourenço que disse enxergar nesse tipo de ação a possibilidade de se alcançar um público que deseja uma peça de determinada grife ou designer, mas que não tem poder aquisitivo pra comprá-la. Ainda que o produto não possa ter a mesma qualidade do seu “original”, por questões óbvias de produção e investimento, busca-se ao máximo chegar lá, e claro, mantém-se a assinatura, mantém-se a ideia, mantém-se o desejo e o estilo dessas peças que vão pra loja. Aquela ideia do valor agregado de uma marca.

Por outro lado, muito se falou sobre o acúmulo de peças que essas lojas levam para o mercado. Será mesmo que precisamos de tantas roupas? Será mesmo que precisamos comprar tantas peças novas a cada coleção, a cada temporada? Mais vale uma roupa descartável e barata ou uma roupa cara, mas que durará por mais tempo?

Sobre novelas brasileiras e Verdades Secretas

As novelas brasileiras também não ficaram de fora da conversa, e o próprio Paulo Borges lembrou da importância que muitas delas tiveram para popularizar a indústria da moda.  Desde a novela Celebridade de 2004, – que inclusive chegou a gravar uma cena no próprio SPFW – as novelas abraçaram o universo da moda e, às vezes de maneira mais realista e às vezes de maneira mais caricata, o levaram para dentro da casa de milhares de brasileiros.

Verdades Secretas, novela das 23h da Globo (que eu adoro e é a primeira que eu tenho acompanhando depois de muitos anos) foi lembrada por Reinaldo como uma das que melhor soube transportar a estética da indústria de moda para a TV. Sem levar em conta o enredo ou as polêmicas que a cercam, e pensando puramente em termos visuais, Verdades Secretas foi muito elogiada.

Ps: vale dizer que o maravilhoso Dudu Bertholini é o responsável pela consultoria fashion da novela!

Sobre estilistas, modelistas e costureiros

Outro assunto bastante falado no talk show foi a quantidade cada vez maior de estudantes querendo se tornar estilistas e consequentemente tornando o mercado de trabalho cada vez mais acirrado. Grande parte desse fenômeno se deve ao endeusamento que a profissão vem alcançando nos últimos anos aqui no Brasil e ao status que “aparecer para os agradecimentos depois da fila final do desfile” passou a ter. Enquanto isso, outras profissões como a de modelistas e costureiros acabam sendo postas de lado nos país. Reinaldo fez questão de lembrar que hoje existem profissionais muito mais especializados nessas áreas do que antigamente, mas que ainda existe um gap muito grande no mercado na procura por essas profissões.

Vista de cima das exposições “20 anos de moda brasileira” e “Sonhando Acordado”.

Além do talk show, duas grandes exposições também fazem parte do FFW Fashion Tour e estão abertas para visitação do público aqui em Bauru até o dia 20 de setembro.

A primeira delas, “20 anos de moda brasileira”, conta com uma curadoria de 20 peças incríveis de diferentes estilistas que fazem parte da história do SPFW. Assim como seus “donos”, as peças também ajudam a contar a história do evento e a relembrar momentos e desfiles memoráveis da semana de moda. Tem Gloria Coelho, Tufi Duek, Paula Raia, Ronaldo Fraga, Alexandre Herchcovitch, André Lima, o próprio Reinaldo Lourenço e muito, muito mais.

Já a exposição “Sonhando Acordado” reúne diversas imagens clicadas pelo fotógrafo Bob Wolfenson em que estilistas, modelos, cantores, maquiadores, stylists e muito outros artistas posam juntos e mostram as mais diversas conexões que possuem entre si e com a indústria de moda. Com curadoria de Paulo Borges, a exposição já havia aparecido na última edição do SPFW, a de verão 2016. As imagens estão simplesmente lindas e todas as fotos possuem pequenas histórias sobre os personagens que nela aparecerem, montando assim um quebra-cabeça de 20 anos de história de moda no país.

O FFW Fashion Tour 2015 fica até o dia 20 de setembro em Bauru, no Boulevard Shopping Nações.

Se você é daqui da cidade, trate de dar uma passadinha lá no shopping pra conferir tudo de pertinho.

Bisous, bisous